Informativo 15/07/2014

Anprotec realiza workshops com empresas
Durante julho e agosto, a Anprotec promove uma série de workshops para discutir os resultados de duas pesquisas realizadas em parceria com o Sebrae: uma retrata o perfil dos empreendimentos egressos das incubadoras brasileiras, e a outra buscou identificar a competitividade das empresas incubadas na área da Saúde Humana. Nos encontros, espera-se identificar gargalos nas empresas pesquisadas e elaborar proposições que orientem a busca por políticas e programas adequados para o desenvolvimento regional e nacional. Nos encontros regionais focados em empresas da área de saúde, com o tema “Competitividade das empresas incubadas na área de Saúde Humana”, serão discutidos temas centrais para o desenvolvimento mais ágil das empresas. Os workshops ocorrem nos dias 16/07, em Belo Horizonte; 23/07, em Porto Alegre; 24/07, em São Paulo; 30/07, em Campina Grande; 06/08, em Brasília. Já os workshops voltados às empresas graduadas, com mesmo foco e formato, estão marcados para 31/07, em Fortaleza; 07/08, em Brasília; 13/08, no Rio do Janeiro; 14/08, em São Paulo; e 18/08, em Florianópolis. Interessados devem enviar nome, endereço, telefone, cargo, empresa e ramo de atuação para junior@anprotec.org.br.

Nanovetores faz palestra em seminário de atualização de cosmetologia
Neste mês de julho, a Nanovetores participará no Rio de Janeiro do 3º Seminário de Atualização em Cosmetologia, um evento da Tecnopress em parceria com a revista Cosmetics & Toiletries. O seminário é o melhor ponto de encontro para apresentação das últimas novidades e tendências em matérias-primas e já é realizado desde 1999. Para este evento, a Nanovetores leva a palestra Ativos Encapsulados com Alta Eficácia, que será apresentada pelo Diretor/Presidente Ricardo Henrique Ramos, sócio fundador da empresa.

CNI oferece capacitação para donos de micros, pequenas e médias empresas
A Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com o SEBRAE, oferece gratuitamente 47 mil vagas para cursos de capacitação empresarial em áreas em que donos de micro, pequenas e médias empresas enfrentam mais dificuldade, como tributação, relações trabalhistas, fiscalização, meio ambiente e economia de energia. Os cursos serão realizados entre 2014 e 2015 pelos sindicatos empresariais, com apoio das Federações de Indústria, terão carga horária variando de quatro a oito horas e serão ministrados por consultores de referência no mercado. Para a região Sul estão reservados 15% das vagas (4.740). Os empresários locais interessados em participar podem entrar em contato com a FIESC para obter mais informações sobre inscrições e calendário, no fone (48) 32314157 e dea.atendimento@fiescnet.br.

Feira do Empreendedor ocorre de 17 a 20 de julho em Florianópolis
Considerado um dos maiores eventos de empreendedorismo do Brasil, o encontro organizado pelo SEBRAE/SC está em sua décima edição e será realizado no CentroSul. A feira reúne, em um único local, informações sobre abertura de empresas, gestão, alternativas de negócios, novos empreendimentos, inovações tecnológicas, acesso a mercados, oportunidades e crédito aos empreendedores. Este ano, o tema será Inovação, e são esperados cerca de 14 mil visitantes. Serão realizadas palestras e oficinas de capacitação, disponibilizadas informações sobre oportunidades de negócio, realizado atendimento individual com consultores do SEBRAE/SC e contadores, além de uma exposição de oportunidades de negócios com cerca de 60 expositores de diferentes segmentos, como comércio, indústria, serviços, franquias e agronegócio, previamente selecionados por meio de edital. As inscrições podem ser feitas no site www.feiradoempreendedor.com.br ou no local.

Informação sobre decisões do CARF
O Escritório Guimarães e Santiago informa que, em recente decisão, o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF), antigo Conselho de Contribuintes da Receita Federal do Brasil, alinhando-se ao entendimento que vem prevalecendo no Superior Tribunal de Justiça (STJ), entendeu pela não incidência das contribuições relativas ao PIS e COFINS sobre crédito presumido de ICMS decorrente de políticas de incentivo fiscal adotadas pelos Estados da Federação. Tal julgamento representa um importante e valioso precedente às empresas incentivadas, especialmente pela insegurança jurídica advinda de recentes autuações pela Receita Federal do Brasil.